17 fatos sobre o gato Siamês

Classifique o artigo

A maioria das pessoas, mesmo as menos instruídas sobre gatos, reconheceria esta raça se a visse. Os siameses têm olhos azuis brilhantes, uma pelagem de cor creme, e extremidades (nariz, orelhas, patas e cauda) numa cor mais escura.

Gato Siamês
Licença: 
CC Attribution 2.0

A maioria das pessoas, mesmo as menos instruídas sobre gatos, reconheceria esta raça se a visse. Os siameses têm olhos azuis brilhantes, uma pelagem de cor creme, e extremidades (nariz, orelhas, patas e cauda) numa cor mais escura. Estes são os traços mais evidentes e de conhecimento geral, mas e que mais esconde esta magnifica raça? Conheça 17 fatos interessantes sobre o gato siamês!

  1. A raça siamesa caracteriza-se pelo seu corpo esbelto mas musculoso, com longas linhas.
  2. A cabeça é igualmente longa e afina a partir do ponto estreito do nariz até às pontas das orelhas, formando um triângulo.
  3. As invulgarmente grandes orelhas são largas na base e pontiagudas nas pontas, conferindo-lhes a mesma forma triangular que a cabeça.
  4. Os olhos possuem forma de amêndoas e são sempre de cor azul vívida e profunda. Isto acontece porque o gene responsável pelo padrão de revestimento e pelo também restringe a quantidade de pigmento (que é responsável pelos olhos verdes ou castanhos) nos olhos.
  5. O corpo é muitas vezes descrito como tubular e é apoiado por pernas longas e finas, com as patas traseiras mais altas do que as pernas dianteiras.
  6. O siamês caminha em pequenas patas ovais e abana uma cauda longa e fina.
  7. Os gatos siameses são bastante faladores e opinativos. Eles vão dizer exatamente o que pensam, em voz alta e rouca, e eles esperam que aqueles que o rodeiam lhes prestem atenção e ajam de acordo com os seus conselhos. Não é prudente trazer um gato siamês para casa se não se procura uma companhia vocal constante. Por outro lado, para aqueles que gostam de conversar durante todo o dia, os siameses podem ser os seus melhores amigos.
  8. Esta raça adora os humanos. Os siameses gostam de ser "úteis" e irão seguir os donos a toda a hora, supervisionando cada um dos seus movimentos. Quando estiverem sentados, provavelmente o siamês estará em seus colos, e à noite, partilhará a cama com eles, provavelmente debaixo dos cobertores e com a cabeça sobre a almofada.
  9. O siamês é um gato exigente e social, pelo que é necessário certificar-se que se possui tempo livre suficiente para desfrutar da sua companhia. Estes gatos não gostam de ser deixados sozinhos por longos períodos de tempo, e para quem trabalha todo o dia, pode ser inteligente ter dois siameses para que eles possam manter-se mutuamente ocupados e distraídos.
  10. O gato siamês é super inteligente. Há que manter o seu cérebro ocupado e permanentemente ativo com brinquedos tipo quebra-cabeças, caso contrário, aborrecer-se-á. É bem possível treinar um gato siamês – devido à sua natureza inteligente eles inclusivamente gostam de ser ensinados. Podem ser treinados a recuperar objetos arremessados, e até mesmo a fazer truques.
  11. Para além de inteligente, esta raça é ágil, atlética, e gosta de jogar e brincar. O seu corpo também precisa de ser exercitado com brinquedos que provoquem a sua perseguição ou que sejam altos, para que o siamês possa subi-los. Jamais se deverá deixar um siamês sem qualquer forma de entretenimento, caso contrário, o dono irá provavelmente se deparar com um cenário de destruição quando chegar a casa!
  12. Algumas das doenças que mais frequentemente afetam os siameses, são: a amiloidose, a asma ou doenças brônquicas e as cardiopatias congênitas, como a estenose aórtica.
  13. Quando os gatinhos siameses nascem, eles são completamente brancos. A sua cor desenvolve-se após cerca de quatro semanas através de um gene que é sensível ao calor. Assim, a cor aparece nas partes mais frias do seu corpo.
  14. Pensa-se que o gato siamês é um descendente do gato albino – um gato que é totalmente branco com olhos cor-de-rosa. Isso acontece porque os gatos siameses são conhecidos por terem ocasionalmente um gato albino nas suas ninhadas.
  15. Originalmente da Tailândia (Siam), os siameses foram a primeira raça do Oriente. Tratam-se de gatos que possuem uma rica história de herança real que remonta a 1300.
  16. Quando as fêmeas estão no cio gritam alto e incessantemente, tendo as suas vozes sido avaliadas em escalas de cantores de ópera.
  17. Quando os gatos siameses foram mostrados pela primeira vez em Inglaterra no ano de 1871, foram descritos como "um pesadelo de gato” por causa da sua coloração estranha. Quem diria que viria a tornar-se numa das raças de gatos mais populares do mundo! 

Classifique o artigo

Publicidade